About us Fale com a Agência Nude: nude@nude.art.br | Darcy Toledo: (11) 99302-8755 | Jane Walter: (11) 98221-9341

Programa 2 em 1 (Rádio Transamérica)

Principal // Mídia // Programa 2 em 1 (Rádio Transamérica)

As fotógrafas Darcy Toledo e Jane Walter falam sobre o trabalho que fazem na Agência Nude

Texto e fotos: Denise Ushisima

No dia 12 de maio, o 2 em 1 recebeu as fotógrafas Darcy Toledo e Jane Walter, da Agência Nude, para falar sobre o trabalho delas e discutir o que faz bem para a autoestima.

A Agência Nude é especializada em fotografia sensual artística para mulheres comuns, mostrando que você não precisa ser uma celebridade para fazer um ensaio desses. Durante o processo, elas utilizam de recursos na hora de tirar as fotos para dispensar os retoques na hora da edição. “Fazemos de tudo para valorizar o que está legal e esconder o que não está bacana.”

Elas têm uma figurinista, que vai ajudar a mulher a escolher a lingerie mais adequada ao tipo físico, porém a cliente pode levar suas próprias lingeries para o ensaio. “Antes das fotos, a gente faz testes para ver se o figurino ficou legal”, contaram.

Elas também ajudam a escolher as melhores poses. “Algumas levam referências e acho que é isso é legal pra sentirmos o tom que ela quer no ensaio, se algo mais leve ou sensual, mas também damos todo o repertório de poses de acordo com o tipo físico e a lingerie”, explicou Jane.

Para aquelas que ficam com vergonha, elas contaram que a equipe é toda feminino e, na hora dos cliques, poucas pessoas ficam no set. “Ficam só uma das fotógrafas, a maquiadora e a figurinista”, contou Darcy. Mas por ser um evento especial na vida das clientes, elas costumam ficar à vontade.

O projeto é focado na mulher, ou seja, elas não fazem ensaios masculinos, porém o homem pode participar do ensaio com a parceira. “A gente faz ensaio com casais e tem também alguns maridos que vão para acompanhar o ensaio e, no final, acabam participando de algumas fotos”, contou Jane.

Durante a sessão, cerca de 200 fotos são tiradas e, dessas, a cliente escolhe entre 30 e 40 para integrarem a revista que ela recebe no final. “É uma revista bem bacana, com índice, número de páginas, entrevista e pôster”, contaram. Segundo elas, nunca aconteceu de alguma cliente não gostar de nenhuma das fotos, muito pelo contrário. “Às vezes gostam de tantas que acabam fazendo duas revistas.”

Esse tipo de ensaio mexe com a autoestima da mulher, que sai de lá se sentindo outra. “Quando ela procura nosso trabalho, já está com uma boa autoestima, ou está no processo para melhorar a autoestima”, disseram. “Quando ela entra em contato, a transformação já começa ali, pois ela se prepara, começa a experimentar lingeries e poses na frente do espelho, começa a olhar revistas, que sempre recomendamos.”